TOPO Header Ads

Suspeito de atacar alunos em escola de Charqueadas é apreendido pela polícia

Adolescente foi capturado pela Brigada Militar e será levado à Polícia Civil. Segundo o vice-governador, Ranolfo Vieira Jr., o jovem teria 17 anos e seria ex-aluno da escola.

A Brigada Militar apreendeu, na tarde desta quarta-feira (21), o suspeito de invadir e atacar alunos do Instituto Estadual Educacional Assis Chateaubriand, em Charqueadas, na Região Metropolitana de Porto Alegre. O adolescente de 17 anos foi encaminhado para a Delegacia de Polícia da cidade para prestar esclarecimentos.

"Recebemos a informação do comandante-geral da Brigada Militar que está sendo conduzido o suspeito, muito possivelmente o autor do fato, para ser entrevistado pelo delegado que conduz a investigação. Muito possivelmente teremos a elucidação até o fim da tarde", afirma o vice-governador e secretário de Segurança Pública Ranolfo Vieira Jr.

A apreensão ocorreu por volta das 16h, horas depois do ataque. Ainda, segundo Ranolfo, ele seria um ex-aluno da escola.

MP pedirá a internação do adolescente
O Ministério Público pedirá a internação provisória de adolescente. Em nota, o MP afirmou que a promotora de Justiça da Infância e da Juventude de Charqueadas, Daniela Fistarol, vai representar junto ao Juizado da Infância e Juventude da Comarca pela internação provisória do adolescente.

O jovem de 17 anos foi ouvido nesta tarde pela Polícia Civil e pela Promotoria de Justiça. Também prestou depoimento o professor de Educação Física da escola, Juliano Mantovani, que relatou ter desarmado o suspeito, evitando consequências ainda mais graves.

Entenda o caso

Conforme a Polícia Civil, o suspeito invadiu a escola e atacou alunos do 7º ano do Ensino Fundamental com uma machadinha. Após ser desarmado por um professor, conseguiu se desvencilhar e fugir.

Pelo menos seis estudantes, entre 12 e 14 anos, foram atendidos no Hospital de Charqueadas. Todos tiveram ferimentos leves e não correm risco de morte.

A escola atende cerca de 700 alunos dos ensinos Fundamental, Médio e Técnico e funciona nos três turnos (manhã, tarde e noite). As aulas foram suspensas, e outras instituições de ensino da cidade também encerraram as atividades por precaução.

Em nota, o Governo do Estado informou que "todos serão ouvidos pela Polícia Civil e passarão por exames de corpo de delito. O Instituto-Geral de Perícias também periciou a sala onde ocorreu o fato. Embora as vítimas não tenham sido feridas com gravidade e estejam fora de perigo, o governo reforça extrema preocupação com o ocorrido e não medirá esforços para esclarecer os fatos e responsabilizar os culpados".

A direção da escola publicou um texto no Facebook no qual afirma: "Estamos chocados com o fato, mas queremos tranquilizar a comunidade escolar de que neste momento não há alunos na escola e estamos sendo amparados pelos órgãos de segurança e Secretaria de Educação. Certamente faremos o possível para auxiliar os alunos, colegas professores e os funcionários na superação desse fato traumático, e também para reforçarmos a segurança da escola".

Leia a publicação na íntegra:
Infelizmente nossa escola sofreu um atentado no começo desta tarde. Uma sala de aula foi vítima de um ataque que já está sendo investigado pelos órgãos de segurança. Quatro alunos ficaram feridos, felizmente sem gravidade e já foram atendidos. O professor que estava na sala não se feriu. Porém o pânico foi geral. Estamos chocados com o fato, mas queremos tranquilizar a comunidade escolar de que neste momento não há alunos na escola e estamos sendo amparados pelos órgãos de segurança e Secretaria de Educação. Certamente faremos o possível para auxiliar os alunos, colegas professores e os funcionários na superação desse fato traumático, e também para reforçarmos a segurança da escola. Agradecemos a preocupação de todos e o apoio dos órgãos competentes que estiveram e estão ao nosso lado. O Secretário de Educação do Estado, o vice-governador e também Secretário de Segurança, assim como a Coordenadora da 12ª CRE estão presentes na escola. Qualquer nova informação vamos atualizando por aqui.


Escola foi isolada após ataque nesta quarta-feira - Jefferson Botega / Agência RBS
Fonte: G1/RS

Publicidade
Tecnologia do Blogger.