TOPO Header Ads

Consumidores prejudicados por desabastecimento de água devem ser ressarcidos


A Agência Estadual de Regulação dos Serviços Públicos Delegados do Rio Grande do Sul (Agergs) debateu, na quarta-feira (15), em audiência pública, a compensação financeira aos cidadãos que sofrem com a falta d'água. O relator do processo, Alcebíades Santini, reuniu-se com entidades representativas do Estado e dos municípios para sugerir melhorias à Resolução Normativa 37/2017, que discute o ressarcimento à população.

Conforme a Agergs, as concessionárias devem fazer todo esforço possível para que não ocorra a interrupção do serviço. "Porém, caso a falta de fornecimento supere 12 horas mensais, o consumidor tem o direito da compensação financeira na futura conta, em até dois meses, com o respectivo desconto apropriado em decorrência da falta de água", destaca Santini. 

O RS é o primeiro estado a desenvolver uma norma que beneficia os usuários pelo desabastecimento.



Foto: Bruna Breyer/Divulgação 
Texto: Giulian Cavalli/Agergs
Edição: Gonçalo Valduga/Secom
Do Estado RS

Nenhum comentário

O Site DeTudoNaNet não se responsabiliza pelo uso indevido dos comentários para quaisquer que sejam os fins, feito por qualquer usuário, sendo de inteira responsabilidade desse as eventuais lesões a direito próprio ou de terceiros, causadas ou não por este uso inadequado. Obrigado

Tecnologia do Blogger.