TOPO Header Ads

Temporal se repete depois de três anos, na mesma data e horário (Veja vídeo)

Por volta das 03h30min de quinta-feira, 19, teve início, mais uma vez, momentos de desespero na comunidade castilhense. Fortes ventos, vindos de direções diferentes, atingiram a área urbana e interior, deixando inúmeras casas e galpões danificados
 Ansiedade, impotência, preocupação vêm sufocando a comunidade que já não sabe o que fazer diante a situações como a que vem acontecendo com a Natureza.
Na área industrial, galpões, casas e silos foram fortemente atingidos. 
 No centro da cidade, muitas lojas nem abriram as portas na quinta-feira.
 Dois Bairros, Santa Isabel e Santa Júlia, dos mais atingidos, casas ficaram totalmente destelhadas. Na região vários postes ainda continuam caídos, como registro realizado neste sábado, 21, onde residências continuam sem energia elétrica, acesso telefônico e internet
 A Torre da Rádio Cultura Comunitária também não resistiu.
O Ginásio Poliesporivo (1ª foto) e Estádio Municipal também foram muito atingidos, com a queda de torres de iluminação no Estádio.

Escolas estão sem condições de aulas, a exemplo da Escola Municipal Élio Salles. O 20º Encontro de CEBs, que seria realizado neste final de semana, foi transferido para 18 e 19 de novembro.

Confira imagens pós-temporal:
Tecnologia do Blogger.