TOPO Header Ads

Estado - Fazenda lança simulador para auxiliar na opção de aposentadoria no serviço público

A partir de agora, o servidor estadual já tem a sua disposição uma ferramenta que ajuda a avaliar os cenários mais favoráveis para planejar sua aposentadoria. Lançado pela Secretaria da Fazenda na terça-feira (11), o SimprevRS projeta situações para os diferentes regimes previdenciários existentes no serviço público. É necessário responder no máximo a nove perguntas para visualizar o melhor caminho após o término da carreira.

Para o chefe da Divisão de Planejamento Financeiro e do Sistema Integrado de Administração de Caixa (DPLAN), Bruno Jatene, o sistema reúne cálculos atuariais e estatísticos suficientes para análise por parte do servidor. “Procuramos desenvolver um sistema imparcial”, disse ele ao detalhar o funcionamento do simulador. Quando funcionário acessar o SimprevRS a partir do Portal do Servidor (RHE) como usuário identificado, todas as informações do banco de dados já estarão integradas nas projeções para sua aposentadoria.

O simulador projeta cenários a partir de informações como idade, data de ingresso no serviço público e renda bruta, buscando criar parâmetros em termos de benefícios caso a opção seja ingressar no Regime Complementar, assim como participar do RS-Prev. Este fundo foi criado para bancar a aposentadoria complementar e seu financiamento é paritário entre o Estado e o funcionário.

Há ainda a opção de ingressar no RPC e buscar um fundo privado para assegurar o complemento na aposentadoria. Para os que permanecerem no regime anterior, o desconto previdenciário seguirá nos 14% sobre o total dos rendimentos, mas desde agosto de 2016 todos os novos obrigatoriamente ingressão sob o Regime Complementar.

O lançamento da ferramenta ocorreu durante o seminário 'A Nova Previdência', organizado pela Supervisão de Administração da Fazenda (Supad). O secretário adjunto da Fazenda, Luiz Antônio Bins, fez a abertura do evento ainda na parte da manhã, diante de uma plateia de servidores da própria secretaria e responsáveis pelos setores de Recursos Humanos de outras pastas, poderes e órgãos de Estado.

Foram discutidos no seminário temas decorrentes da reforma previdenciária no serviço público e aspectos que envolvem o Plano de Previdência Complementar do Estado (RS-Prev). Entre os painelistas estavam o chefe adjunto da Casa Civil, José Guilherme Kiemann; o presidente do RS-Prev, Ivan Bechara; e o diretor de Previdência do Ipergs, Ari Lovera.






Texto: Pepo Kerschner/ Ascom Sefaz
Edição: Léa Aragón/Secom


 Foto: Ascom Defaz
Fonte: Portal RS
Tecnologia do Blogger.