TOPO Header Ads

Tempo - Chuva com vento e granizo causam estragos no Estado

A chuva, acompanhada de vento e granizo, que atingiu o Estado na tarde e noite de quarta-feira causou estragos em diversos municípios.

Na Região Central, pelo menos cinco cidades registraram queda de granizo e estragos: Restinga Seca, São Gabriel, Cacequi e Formigueiro e três distritos de Santa Maria. As nuvens escuras que passaram por Restinga Seca na tarde de quarta deixaram um rastro de destruição em pelo menos nove comunidades do interior.

Em Júlio de Castilhos a chuva com granizo chegou na noite de quarta-feira, variando a intensidade em pontos do município.

O temporal que atingiu o Estado na noite de quarta-feira fez duas vítimas fatais. Uma mulher de 21 anos e o filho de três anos morreram após uma árvore cair sobre a casa onde estavam, no bairro Boa Vista, em Rio Pardo. Conforme o prefeito da cidade, Fernando Henrique Schwanke, o município está "anestesiado" por causa da tragédia.

O mau tempo deve se intensificar na quinta-feira em todo o Rio Grande do Sul. A previsão, segundo a Climatempo, é de nuvens carregadas, com risco de granizo, ventania e chuva forte. Conforme o meteorologista Marcelo Pinheiro, se mantém o alerta para enchentes. Além disso, há no Estado 72,5 mil clientes sem energia elétrica. Destes, 7,5 mil são da RGE, 2 mil da CEEE e 63 mil da AES Sul.

O trecho da BR-158, entre Santa Maria e Itaara, que foi interditado depois que parte da estrada cedeu no Km 317, segue em meia-pista. Das três vias, só uma está transitável, e há equipes da Polícia Rodoviária Federal (PRF) no local parando e liberando os veículos. O Departamento Nacional de Infraestrutura e Transporte (Dnit) segue monitorando o local para avaliar se há risco de mais desmoronamento. 




Créditos: Zero Hora/Diário de Santa Maria e Portal De Tudo Na Net
Foto: Gabriel Antonio Pedroso
Tecnologia do Blogger.